sexta-feira, 25 de março de 2016

Pílulas do momento #20

1 - Saudades
Acabaram as aulas. As do mestrado, as da graduação. Vou sentir muita falta de todas. Da turma do mestrado, em especial, porque era muito divertido ficar com essas peças raras, tanto em sala quanto nos intervalos, na cantina, na sala de espera, nos encontros depois das aulas, nos almoços, nas idas à biblioteca e ao xerox. As nossas festas, divertidíssimas, vão deixar um hiato por aqui.

Festa temática - capas de disco
(pena que não dá pra ver minha fantasia de Dark side of the moon)
Também vou sentir falta da graduação, com os estágios de docência. Foi uma delícia! Conheci muita gente bacana, vi trabalhos incríveis sendo feitos, li textos inspiradores. Vivenciar sala de aula foi tudo aquilo que eu imaginei que seria. Aliás, foi até melhor, porque só confirmou aquela pseudo-certeza que eu tinha há alguns anos. Não tem foto com o pessoal da graduação, infelizmente. Mas tem muita lembrança boa.

2 - Fotografia
Resolvi tomar vergonha na cara e fazer um curso básico de fotografia. Na verdade, foi um Workshop, e foi muito bacana. Tão bacana que vai ter post sobre pra ele, daqui a pouco.

3 - Banca de TCC
Teve banca de TCC também! Fui convidada pelo meu orientador para compor a banca de uma monografia sobre a comunicação organizacional da torcida organizada Gaviões da Fiel. Foi muito bacana! Até porque estar do lado de quem julga é muito mais confortável. Teve um momento que fiquei tão tocada com o tanto que a mão da aluna tremia que quase levantei e dei um abraço nela. Ela foi aprovada com 10 pela banca, e quando da leitura da ata, na hora em que falava da aprovação, ela deu um suspiro profundo de alívio. Quando veio a nota, ela ficou exultante. Foi muito bacana. Minha terceira banca como avaliadora. Foi tão legal, que tô querendo viver isso mais vezes.

4 - Livro da Dreisse
Daí que a Dreisse (diva!) lançou um livro. Acompanhei parte do processo dela escrevendo e buscando editora, e fiquei feliz demais quando soube que o livro seria publicado. O livro chama Doce primavera e é indicado para o público infanto-juvenil. Comprei na pré-venda e, no dia do lançamento, outro exemplar, pra Flavinha, que já leu e amou!

Me sentindo ainda mais baixinha!

_______________
Aline, que prefere ser chamada de Lile. Ou de Nine...