sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Portugal - 1º dia

Nosso voo pra Portugal sairia nos primeiros minutos de uma segunda-feira, mas foi adiantado para os últimos minutos do domingo. O tempo foi tão irrisório que nem pensamos em reclamar :-)

Encontramos o grupo no aeroporto: Leo e eu, Luana, Kamilla e Lúcia. Iríamos juntos até Lisboa. Kamilla e Lúcia ficariam por lá (nos veríamos de novo em Coimbra) e Leo, Lu e eu fomos pro Porto. Já começamos a rir desde o embarque. Foi bem divertido, foi bom pra aliviar meu medo de avião.

Chegamos em Lisboa comemorando o aniversário da Lu. Passamos pela alfândega, nos despedimos das moças e fomos pra área de voos domésticos. Fomos de Embraer pro Porto. O menor avião em que já viajei. Engraçado, mas apavorante, por ser pequeno demais. Chegamos super rápido, mas ficamos muito tempo esperando nossas malas. Deu até medo de terem perdido as bichinhas, mas nós tínhamos visto as três malas sendo retiradas do teco-teco avião enquanto descíamos. Pegamos as malas e fomos direto para a estação do Metro. Não é metrô, é metro mesmo. Compramos o cartão Andante - um para cada, fez questão de nos contar o moço da segurança. Fomos em direção ao Estádio do Dragão e trocamos de linha na estação de Trindade. Pegamos a linha D com direção a Santo Ovídio e descemos na estação seguinte, Aliados.

Você sai da estação do Metro e vê isso aqui!
Foto: Leo Homssi

Fomos pro apartamento, que era na rua paralela à estação. Quem nos recebeu foi a Raquel, uma pessoa muito bacana. Nos explicou tudo e nos deixou com três maravilhosos pastéis de nata de boas-vindas. De lá, fomos ao supermercado Froiz comprar coisas de café da manhã. Nosso combinado é que faríamos apenas essa refeição em casa - e olhe lá! Compramos pão de forma, presunto (fiambre), queijo, requeijão, chocolate e cerveja. Tomamos banho e fomos pro 17º comemorar nossa primeira viagem pra Europa e o aniversário da Lu.

Selfie no 17º

Resolvi tomar um vinho, mas como não sei escolher, quem me indicou foi a garçonete. Estava ótimo. Mas como não posso com vinho, logo veio aquela dor de cabeça pré-enxaqueca. Tava prevenida, tomei remédio e passou logo. A comida estava maravilhosa! Fui de spagetti ao pesto (amor eterno, amor verdadeiro) com camarões; Leo foi de tornedor e a Lu, de peito de frango laminado. Experimentamos os pratos dos coleguinhas, estavam todos muito bons. Mas a Lu achou que os garços se incomodaram com a nossa troca de comidas, hahahaha. Compartilhamos a sobremesa também. Lu foi de mousse de framboesa em caixa de chocolate; Leo, de mousse de cacau e eu de fondant de chocolate com frutas vermelhas, que nada mais é do que o nosso velho conhecido petit gateau.

A vista do restaurante é linda, mas não deu pra fotografar. Estávamos só com os celulares, e precisava, no mínimo, de um tripé. Então fizemos como se fazia antigamente: guardamos a imagem em nossos corações #brega.

Voltamos pra casa cansados da viagem, mas muito felizes.


_______________
Aline, que prefere ser chamada de Lile. Ou de Nine...