sexta-feira, 26 de junho de 2015

Mesmo que mude

Não conhecia a banda Bidê ou Balde até esta semana. E conheci por acaso. Muito porque trabalhar com música de fundo me ajude bastante a fazer fluir o que está mais agarrado. Me ajuda a focar, a me dedicar mais.

~ ultimamente, ando ouvindo J. S. Bach pra caramba, especialmente pra escrever pro mestrado ~

Também escuto muita coisa aleatória, e foi assim que conheci a música Mesmo que mude. Gostei, de cara, do ritmo. Quando parei pra prestar atenção na letra, fiquei apaixonada. Porque me lembrou muita coisa, muita gente querida, muitas situações da vida que ficaram lá atrás e que foi preciso ressignificar, depois de uns bons anos de análise.

E, sim, teve looping durante um bom tempo.

Porque é sempre amor, mesmo que mude <3 nbsp="" p="">



_______________
Aline, que prefere ser chamada de Lile. Ou de Nine...