segunda-feira, 24 de novembro de 2014

O que (eu acho que) tem de bom pra ler na net #52

1 - Ao mestre Fernando, com carinho
Texto lindo da Ana Paula Pedrosa sobre a polêmica envolvendo o curso de Jornalismo da Puc-Minas. Ela só foi aluna do Fernando. Eu tive a sorte de aluna do Fernando e do João Carlos e aprendi pra caramba com eles. Acho que a Puc e os novos alunos perdem demais com o desligamento desses dois mestres. Que podem não ter título acadêmico, mas que são mestres de verdade, detentores de grande saber e que, gentilmente, passam esse saber pros alunos. Se eu pudesse, estaria lá, subindo na mesa e gritando Oh, capitan, my capitan pros dois.

2 - Esqueça tudo o que você sabe sobre HIV
Vi no Brasil Post e fiquei horas com o texto na cabeça. Escrito por alguém que se autodenomina Jovem Soropositivo. Que tira da obscuridade vários pontos sobre o HIV e sobre como se relacionar com alguém soropositivo. Muito bom.

3 - Casa de festeiro, espeto de pau
Do André Barcinski, sobre vizinhos, respeito, festas, perda de limites e essas coisas com as quais somos confrontados cotidianamente ao viver em sociedade.

4 - De mãe pra filha
Já falei que adoro a Clara Averbuck, com seus textos sempre incríveis? Acho que já... Também já falei o tanto que curto o blog Lugar de Mulher. E a Clara escreveu essa lindeza pra Catarina, filha dela. É de chorar de emoção.

5 - A chave do sucesso
Da Rosana Hermann, sobre sucesso, insucesso, parâmetros, genialidade, representatividade e tantas outras coisas. O texto é curtinho, mas dá pano pra manga.

6 - Os mistérios do autismo
Mais um texto lindo da Andréa sobre o Theo, o autismo e tudo o que podemos aprender com esses mistérios insondáveis que aparecem na vida da gente.

_______________
Aline, que prefere ser chamada de Lile. Ou de Nine...