quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Livro: Just Listen



Mais um livro para o projeto Leitor Parceiro da Set Palavras. O livro da vez foi Just Listen - A garota que esconde um segredo,  de Sarah Dessen, publicado pela Editora Difusão Cultural do Livro - Selo Farol Literário

Desde que A menina que roubava livros surgiu, trouxe a reboque uma série de livros que tinham "a menina", "o menino", "a garota" ou "o garoto" no título. E uma parte significativa desses livros não era lá grande coisa. Então, quando abri o pacote, escolhido entre uma pilha de livros possíveis para a leitura do mês em parceria com a Set Palavras, fiquei decepcionada com o título Just Listen - A garota que esconde um segredo. E com a capa. Achei que seria mais um chick-lit, estilo que não gosto.

Acabei me surpreendendo. O livro está mais para YA (Young Adults), uma faixa etária que transita entre a juvenil e a adulta e que está em alta na literatura atual. A autora, Sarah Dessen, recebeu vários prêmios pelo livro e tem relativa fama nos círculos da YA. A história aborda temas comuns para jovens em idade escolar, como a amizade, a popularidade, os grupos, as fofocas. Mas também toca em coisas mais pesadas, como distúrbios alimentares, depressão, abusos, violência. Vamos à trama…

Annabel Greene é a narradora e personagem principal da história. É uma adolescente no último ano da escola, preocupada com a volta às aulas. No último dia de aula do ano anterior, sua melhor amiga Sophie pegou o namorado, Will Cash, com Annabel. A garota não conseguiu se explicar e passou as férias sozinha. A volta à escola parece um pesadelo: sempre que pode, Sophie chama Annabel de vadia. Seus amigos não a procuram mais e ela fica isolada na hora do almoço, sentada no muro da escola, ao lado de Owen, um colega que também não tem amigos.

A menina trabalha como modelo, apesar de não gostar muito, e tem que lidar com uma família que prefere varrer as coisas para debaixo do tapete. Sua irmã Whitney está enfrentando um distúrbio alimentar, mas ninguém em casa fala disso, especialmente porque sua mãe já teve depressão há alguns anos e todos ficam tentando fazer com que essa situação não volte. Enquanto parece querer alguém para conversar, para contar de sua dor, Annabel não consegue falar com ninguém e se fecha cada vez mais. Owen, com sua paixão pela música, consegue quebrar parte da casca sob a qual Annabel se esconde, mas nem isso é suficiente.

A história é um tanto previsível. É simples saber qual o segredo de Annabel - nem é preciso esperar 13 capítulos para confirmar. Também é fácil descobrir o final de praticamente todos os personagens, até dos secundários. Isso não tira o mérito do livro ao abordar temas mais sérios, apenas o faz perder um pouco do fôlego.

Uma coisa que o projeto Leitor Parceiro da Set Palavras está me ensinando é a não julgar o livro pela capa - ou, neste caso, pelo título. Just Listen é daqueles que jamais faria parte da minha estante – pelo nome, pela capa, pelo conteúdo –, mas tem lá suas qualidades, em especial tocar em temas mais sérios do que a literatura juvenil costuma oferecer.


* A postagem original pode ser vista aqui

_______________ 
Aline, que prefere ser chamada de Lile. Ou de Nine...