sábado, 8 de março de 2014

Os dez livros mais importantes

Dia desses a Aline Mangaraviti me marcou numa postagem do Facebook para que eu dissesse os dez livros mais importantes da minha vida, entre ficção e não ficção. Resolvi ficar só nos de ficção, porque são, afinal, os que eu mais gosto. Assim, de supetão. Eu fui sincera com o que me veio à mente na hora, mas deixei algumas coisas de lado. E vou tentar reparar o erro. Vale lembrar que as minhas listas não estão em ordem de importância, mesmo que a primeira delas comece com O retrato de Dorian Gray, que é meu livro favorito da vida.

A lista que publiquei é:

• O retrato de Dorian Gray - Oscar Wilde
• Grande sertão, veredas - Guimarães Rosa
• O encontro marcado - Fernando Sabino
Antígona - Sófocles
O evangelho segundo Jesus Cristo - José Saramago
Hibisco roxo - Chimamanda Adichie
• Admirável mundo novo - Aldous Huxley
• O nome da rosa - Umberto Eco
• Todos do Sítio do Pica-pau Amarelo, em especial Viagem ao Céu - Monteiro Lobato
• Por quem os sinos dobram - Ernest Hemingway

Mas há algumas falhas irremediáveis nessa lista. Que fui me lembrando depois. E que fizeram muito por minha vida de leitora. Alguns deles estão aqui:

• Aventuras de Alice no país das maravilhas - Lewis Carroll
• Aventuras de Xisto - Lúcia Machado de Almeida
• A marca de uma lágrima - Pedro Bandeira
• A droga da obediência - Pedro Bandeira
• Brim azul, a história de uma calça - Ganymedes José
• Chapeuzinho amarelo - Choco Buarque
• Todos da Laura Ingals Wilder
• Os crimes ABC - Agatha Christie
• O caso dos dez negrinhos - Agatha Christie
• Assassinato no Expresso Oriente - Agatha Christie
• O assassinato de Roger Ackroyd - Agatha Christie
• O vermelho e o negro - Stendhal
• A moreninha - Joaquim Manoel de Machedo
• Dom Casmurro - Machado de Assis
• O menino no espelho - Fernando Sabino
• Um estudo em vermelho - Conan Doyle
• Uma rua como aquela - Lucília de Almeida Prado
• Tesouro da Juventude
• O diário de Anne Frank
• O diário de Zlata
• Vastas emoções e pensamentos imperfeitos - Rubem Fonseca
• A cavalaria vermelha - Issac Bábel
Jane Eyre - Charlotte Brontë
Orgulho e preconceito - Jane Austen
• Mrs Dollaway - Virgina Wolf
• Pergunte ao pó - John Fante
• Olhai os lírios do campo - Érico Veríssimo
• Crime e castigo - Dostoievski
• O estrangeiro - Albert Camus
• A menina que roubava livros - Mark Zuzák
• Trilogia Millenium - Stieg Larson

Há outros, que não me recordo agora (já falei que a minha memória não presta, né?).

O Danilo Venticinque recolheu as listas de algumas pessoas e publicou aqui. Vale a pena pra se inspirar, né?

_______________
Aline, que prefere ser chamada de Lile. Ou de Nine...