quarta-feira, 22 de maio de 2013

Clube de Leitura

Uma época, há muito, muito tempo, tentei fazer uma espécie de Clube de Leitura com uma amiga. A gente combinou de ler os mesmos livros e comentar. Deu certo por um tempo. Pouco tempo. A gente fazia isso com os livros indicados pro colégio e com outros, que escolhíamos aleatoriamente. Lembro que a Lu me deu Éramos Seis e foi um dos livros que mais comentamos. A Lu já tinha lido, eu não. E o assunto rendeu.

O nosso encontro literário não deu certo porque nós duas mudamos de escola. Eu fui pra uma e ela pra outra (mas depois ela voltou pra nossa escola original) e começamos a estudar pro vestibular. Aí nossos encontros rarearam e, quando aconteciam, era pra conversarmos sobre nossas vidas, tão mudadas naquela época. 

Sempre senti saudades daquelas conversas. Especialmente porque a Lu era a pessoa com quem eu mais falava sobre os livros que eu lia. Daí que fiquei um tempão sem ter alguém pra comentar meus livros. Publicar aqui sobre esses livros ajuda um pouco, porque me faz lembrar de coisas marcantes de cada livro. 

Mas aí surgiu a Set Palavras e criou um Clube de Leitura. E já teve primeira reunião e tudo!

Os primeiros livros sugeridos foram A volta do parafuso, de Henry James; Triângulo das águas, de Caio Fernando Abreu, e Madame Bovary, de Flaubert. Não consegui reler o Flaubert, mas consegui terminar os outros dois. E amei. Falo sobre eles em outros posts.

A reunião foi muito legal. Tinha o Valter, um amigo querido, que é dono da Set Palavras e coordena o Clube, e um monte de mulheres. De todas as idades, de todos os jeitos. E o debate foi muito, mas muito bacana. Aprendi muito com as meninas e estou muito animada para a próxima reunião. 

Os próximos livros são Evangelho segundo Jesus Cristo, de Saramago, e Memórias póstumas de Brás Cubas, do Machado. O Brás Cubas eu li há mais tempo. O Saramago ainda não. Mas já peguei o livro e comecei a leitura.