quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Viagem

Se este fosse um ano comum, uma hora dessas eu estaria a caminho de Goiás. Dia 16 de novembro é aniversário da D. Lídia, avó do Leo, e sempre tem uma festa grande, unindo a família mais legal do mundo. Regada a muitas risadas, muita fartura e muito amor. Infelizmente, alguns compromissos locais nos impediram de ir pra lá em novembro. Não quero nem pensar em como vai estar tudo por lá, nem na minha vontade de abraçar os Borges e conviver com todos eles, aqueles lindos. Porque eu vou sofrer de imaginar a festa rolando e eu aqui :-(

Já usei uma música da Vanessa da Mata pra falar do Leo (aqui). Hoje, uso pra falar da vontade que está me dando de largar tudo e ir pra Goiás. "Colher fruta madura no vento, pequi não sai do meu pensamento, bacia cheia de manga bourbon"... Ainda bem que dezembro tá chegando!

Viagem (cantada por Vanessa da Mata)
Suspenderam a viagem
Fui parar em outro trem
Que beleza de paisagem
Fomos rumo a Belém

Agora que é tempo
Colher fruta madura no vento
Pequi não sai do meu pensamento
Bacia cheia de manga bourbon

Nasce um sol, nasce uma noite
E um menino também vem
Que beleza de paisagem
É meu filho e passa bem

Agora é tarde, não dá para adiar a viagem
João tem três anos de idade
Não quero merecer outro lugar

Volto quem sabe um dia
Porque os trilhos já tiraram do chão
Olho as tardes, vivo a vida
Nada é em vão