segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Banguela

Quando eu era pequena, minhas tias, meus vizinhos, os caras da rua, todo mundo parava pra conversar comigo e com a Laura e fazia aquelas piadinhas tradicionais sobre as janelinhas, nossos dentes de leite que caíam. Era chato pra caramba, mas faz parte do crescimento de todo mundo. Os dentes de leite caíram, essa chatice toda passou e cá estamos nós, de novo, às voltas com a banguelice.

Acabei de tirar os sisos superiores. Já contei aqui como acho isso tão, mas tão adolescente que cheguei a ficar triste com essa história. Mas enfim... para o bem dos outros dentes e felicidade geral da minha arcada dentária e da minha mordida, saíram de cena os dentes do juízo.

Foi mega rápido, em contraste de quando tirei os inferiores, que estavam oclusos e crescendo em direção aos outros dentes. Tia Dentista deu a anestesia do lado direito e, quando viu que eu não sentia nada, pinçou o danadinho e arrancou de uma vez. Não durou nem 30 segundos. O da esquerda deu um pouco mais de trabalho, ela tirou em 45 segundos.

Agora, cá estou eu em casa, de molho, com uma série de recomendações pelas próximas 48 horas:
- Repouso relativo;
- Não ingerir nada quente ou sólido;
- Não bochechar;
- Em caso de sangramento, colocar gaze no local por 10 minutos;
- Colocar gelo no local;
- Não pegar sol.

Isso, com um monte de trabalho pendente e sem poder andar de bike no próximo final de semana. Triste, muito triste...