sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Quase carnaval

Semana que vem é carnaval. Ouro Preto já começou a se preparar pra receber os 30 mil "foliões" previstos este ano. Este ano, a decoração foi feita exclusivamente por pessoas dda cidade, artistas e artesãos, utilizando materiais típicos, como a taquara e fazendo uma homenagem aos bonecos do Zé Pereira. Tem mais informações sobre a decoração aqui.

Ano passado, a decoração ficou muito bacana. Pelo menos, as tiras de tecido colocadas entre as casas. Este ano, as tiras são de plástico. Ficou mais colorido, dá um barulhinho super agradável quando venta e, quando tem sol, faz uma sobra linda no chão. Ainda não foram colocadas as cabeças nem as lanternas de taquara. Mas está muito lindo.

Decoração de 2010, com tecido
Agora, com plástico e num dia ensolarado

Da janela do Passo

Na rua São José

A sombra colorida no chão

Uma coisa ruim no carnaval é que vem tanta gente mais doida que o Batman pra cá que é preciso tomar algumas providências. Uma delas é espalhar banheiros químicos por todo canto, mas isso não adianta muito. Todo mundo faz xixi na rua, um inferno fedorento. E houve um ano em que fui acordada por um barulhão... um bando de malucos tinha virado um banheiro químico e rolava o dito na rua. Suuuuper higiênico. E bem na minha porta!

Outra medida é fechar as pontes da cidade. Porque sim, tem malucos que vêm pra cá e, além de jogar coisas (em especial latas de cerveja) das pontes, resolvem pular ou então jogar outras pessoas. Sério, isso já aconteceu outras vezes. A Prefeitura coloca um alambrado de proteção, forrado com tela de galinheiro. Fica horroroso. E é horrível ter de necessitar disso por causa da loucura alheia.

Ainda sem a tela de galinheiro
Triste ter esse tipo de coisa. Também é triste ver como as pessoas que vêm pra cá não têm o menor cuidado com a cidade. Quando eu volto pra cá, na quarta-feira de cinzas, é difícil até respirar, devido ao cheiro que os "foliões" deixam. Enfim, educação não é mesmo pra qualquer um.