domingo, 19 de dezembro de 2010

Amigo secreto

Uma das coisas que eu mais gosto no final do ano são as brincadeiras de amigo oculto. Primeiro porque eu adoro dar presentes, e não dá pra fazer isso o tempo todo e pra todo mundo. Segundo, porque é uma forma bem divertida de confraternização com quem a gente gosta. Volta e meia eu me dou mal, porque as pessoas adoram me dar perfumes e eu sou alérgica, mas mesmo assim, adoro esse momento. Neste final de ano, participei de cinco deles e fiquei meio perdida com os presentes que eu dei. Nenhum dos presentes que eu escolhi me deixou realizada. Em compensação, os que eu ganhei foram aprovados com louvor.

No amigo oculto das blogueiras, foram reunidas seis moças para fazer um batuque na laje, como disse a Jullyane. Fomos a Patrícia, do A vida sem manual, a Jady, do Between us, a Bel, do Deixo Ler!, a Intense do Excesso da Intense, a Ju, do Vermelhas unhas e eu. O mais bacana de participar foi a convivência virtual com essas moças tão legais, cada uma de um canto do país. Escolher o presente da minha amiga oculta será uma história pra outro post (só quando ela, finalmente, o receber) e, depois de postar, fiquei na expectativa de receber o meu. Eu tinha uma leve desconfiança sobre quem seria a amiga. Achei que fosse a Bel, pela hora das postagens no site Amigo Secreto.

Cheguei de viagem hoje e a caixa estava aqui. Deu aquele gelado no estômago... quem será????


Olha meu presente aí!!!!
Antes de mostrar mais, deixa eu falar um pouco dela. Como eu sou inquieta e adoro blogs, em 2007 abri mais um (já perdi a conta de quantos tive antes desse) e fiquei lá quietinha, só escrevendo pra mim. Um belo dia, apareceu um comentário. O que mais me intrigou foi como essa pessoa tinha encontrado meu blog. Meu objetivo não era ser lida, era só escrever. E lá estava um comentário - na verdade, dois comentários - muito bacanas. A segunda coisa que me intrigou foi o nick da pessoa que comentou. Logo, fui lá no blog dela e amei o jeito dela escrever. A forma bem visceral com que - sempre, sempre, sempre - vive e vivencia suas conquistas, seus dramas, seus amores, suas dores. Passei a visitar constantemente e fomos trocando comentários, mesmo após a abertura do Janela Colonial. Ela foi a primeira pessoa com quem eu conversei pela webcam. Vi o famoso sorriso aberto e a voz, tão meiga. Mesmo nesse dia, num contato bem pequenino, ela me transmitiu a intensidade que permeia sua vida. Foi por meio dela que conheci as outras moças do batuque da laje. Por ela cheguei na Ju e a Bel, e da Bel, na Patrícia e na Jady. Foi por meio do comentário dela que comecei a comentar em blogs e conheci mais um tantão de pessoas bacanas. E foi ela quem me convidou para esse amigo oculto. Desse modo, eu não poderia estar mais feliz por receber um presente da Intense. Um não, vários.

Começou assim
E olha o que mais

A necessaire da marca Intense (amei!)


Pra eu me lembrar dela todo dia!


Dentro dela, doce de leite na palha, a suprema delícia! Adoro!

Além da embalagem da Boticário, com a necessaire Intense e o doce de leite, veio um livro da Agatha Christie e uma carta. O livro, mais que apropriado (vai entrar pra coleção com o número 48), é O Natal de Poirot. O título do primeiro capítulo do livro é 22 de dezembro, e vai ser nessa data que começarei a lê-lo.

A capa

A dedicatória

O marcador (êêêba!!) de Uberaba, mais um pra coleção :-)


A carta, com essa letra encantadora

No mural do Amigo Secreto, eu coloquei que ganhei três presentes, mas na verdade foram cinco. Contem comigo: necessaire, doce de leite, livro, marcador e carta. A carta é show de bola. Pra começar, são duas páginas, escritas à mão,  numa época em que tudo se resolve via computador. Eu também era a garota das cartas, Intense. Escrevia pra tudo mundo e me divertia horrores, tanto escrevendo como recebendo. Pena que quase não existe isso mais... Ela também conta que, ao comprar o livro, havia uma apresentação de um coral, cantando músicas de natal. "Fui pega de suspresa pelo coral e fiquei boba, observando um bom tempo, abraçada ao seu livro... então te falo: cheio de carinho ele já é! haha." Olha que fofo!!! E, de quebra, ganhei um jacaré carnavalesco, lá na dedicatória. Piada interna...

Doce de leite de Uberaba não tem aqui em Ouro Preto. E, amigas do batuque, veio só pra mim. Não vou ser egoísta, ofereço pra todo mundo, mas é só por educação. Aliás, nem sei se vou oferecer pro Leo, sabe? Pode atrapalhar o desenvolvimento dele com a bicicleta, melhor não arriscar. A necessaire da Intense vai pra minha bolsa a-go-ra. Eu estava mesmo precisando de uma assim, desse tamanho. O livro já vai ser lido (dia 22/12 tá logo aí). E a carta vai praquele cantinho especial onde guardo coisinhas lindas que significam muito pra mim.

Intense, adorei os presentes. Adorei a forma em que eles vieram. Adorei participar e conhecer um pouco mais de cada uma de vocês. Espero que a minha amiga oculta sinta a mesma emoção que senti quando o presente chegar. Ou, pelo menos, que não queira jogar ele pela janela! :-)