quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Almanack de Ouro Preto - 1890

Em 1890, Manoel Ozzori criou o Almanack Administrativo, Mercatil, Industrial, Scientifico e Litterario do Município de Ouro Preto. Foi impresso na Typographia d'A Ordem, Rua da Barra, nº 30, em sua primeira edição.
A capa do Almanack de Ouro Preto

A dedicatória no texto de Francelina, que abre a reprodução


Em 1990, Maria Francelina Ibrahim Drummond, do Instituto de Artes e Cultura da Ufop (Ifac) comandou a reprodução fac-similiar do Almanack. A Francelina dedicou um exemplar para o Padre Mendes, que vem a ser meu tio-avô e meu padrinho. Ele faleceu em 1999 e deixou um mundo de livros. Entre eles, o Almanack, que é uma pérola. Olha só o texto inicial do prefácio:


Eis ahi o Almanack do Município de Ouro Preto.
Ao iniciar a sua publicação, que mais levamos a effeito em satisfação ao compromisso contrahido para com o publico, somos o primeiro a reconhecer, e confessamol-o com a maxima franquza, ter elle defeitos numerosissimos e deficiencias que não pudemos remediar.

O Almanack traz o calendário da cidade, a administração do município (secretarias de governo municipal e estadual, estabelecimentos de ensino, magistratura, força pública, câmara municpal), profissões diversas, empresas, associações, instituições diversas e notas sobre os distritos, então chamados freguesias. Traz ainda uma parte científica, que trata de mineração, e uma parte literária, com contos, poesias e até anedotas.


As informações dos distritos, chamados de freguesias




Os autores da Parte Litteraria



Sorte achar isso em casa!