domingo, 16 de maio de 2010

Apelidos das ruas contam histórias de Ouro Preto

Rua Randolfo Bretas, rua Conde de Bobadela, rua Senador Rocha Lagoa, rua Henry Gorceix. É possível conhecer um pouco da história de Ouro Preto pelos nomes das ruas, que homenageiam pessoas importantes para a cidade e para o país. As mesmas ruas também podem contar outra história, muito particular da cidade: elas têm apelidos, que explicam algumas das peculiaridades de Ouro Preto.

A rua Senador Rocha Lagoa, por exemplo, é conhecida como rua das Fores já que, em frente à Escola Estadual Dom Pedro II, havia um jardim muito bonito, com flores de diversas espécies. O jardim era a característica mais marcante da rua, e foi o motivo para o “batismo” popular.

Uma rua sem saída, no Rosário, é chamada pelos ouropretanos de rua de Cima. O nome oficial é bem pouco conhecido: rua Gabriel Santos. Subindo para o Morro São Sebastião, pega-se a rua Henry Gorceix, conhecida como rua Nova. Oficialmente, a praça é Cesário Alvim. Mas quem a conhece, diz mesmo é Praça da Estação.

Reconhecer a rua Randolfo Bretas pode até ser difícil. Porém, pergunte pelo apelido, e qualquer pessoa sabe onde fica a rua da Escadinha. A Praia do Circo é o apelido da Praça Rio Branco, no Pilar, onde fica um dos principais prédios da prefeitura da cidade.

O Beco dos Bois é conhecido por ser a rua de acesso ao antigo Matadouro Municipal de Ouro Preto. O nome foi depois trocado para rua Dr. Cláudio Bernhaus de Lima, em homenagem a esse ilustre ouropretano.

Os apelidos das ruas, que são os mais usados, vêm da tradição oral da cidade, passados de pais para filhos. Os nomes oficiais são escolhidos pela Câmara Municipal e pelo poder municipal. Mesmo que os homenageados sejam importantes para a história da cidade, a tradição oral é mais forte. Por isso é mais fácil conhecer as ruas da cidade pelos apelidos.

E a famosa rua Direita? Praticamente todas as cidades coloniais têm uma rua com esse nome, que serve para indicar direção na cidade. Em Ouro Preto a rua é “à direita da Casa de Câmara e Cadeia”, o atual Museu da Inconfidência. O nome oficial da rua é Conde de Bobadela.

Publicado originalmente no Portal ouropreto.com.br em 2003